tumblr site counter

Hibernação – Um Mecanismo de Sobrevivência



Face a condições ambientais estremamente adversas, algumas espécies desenvolveram um mecanismo de adaptação essencial para conservar-lhes a existência sob tais condições.

 

Estamos falando da hibernação, que é a capacidade de alguns animais economizarem energia quando há escassez de alimento ou encaram temperaturas muito rigorosas.

 

 

Este seria o motivo pelo qual a hibernação seja um recurso de animais que habitam as regiões mais frias do planeta. Durante o período de inverno, a oferta de alimento nesses lugares é reduzida drasticamente. Para animais de sangue quente, conhecidos como “endotérmicos”, este fato poderia significar a extinção.

 

Isso porque eles dependem de uma constante fonte de energia para manterem sua temperatura corporal por meio do metabolismo, e a única maneira de obtê-la é por meio da alimentação. É o caso de alguns mamíferos e aves que durante o inverno entram em estado de hibernação, aumentando, assim, suas chances de sobrevivência.

 

A hibernação se caracteriza como um estado letárgico, em que o organismo reduz sua taxa metabólica e, por consequência, reduz o gasto energético. Os animais iniciam um período de repouso e inatividade: apresentam queda na temperatura – que fica próxima ou se iguala à temperatura ambiente –, diminuição da frequência cardíaca, da respiração e de suas capacidades sensoriais.

 

Quando se fala em hibernação, a primeira cena que nos vem à cabeça é a de um urso polar dormindo. Mas, apesar dos desenhos animados, filmes e livros, a ciência nos conta outra história.

 

Não se pode afirmar que os ursos polares realmente hibernem. Se os compararmos a outras espécies, eles demonstram pequena queda na temperatura, além de pouquíssima alteração quanto à respiração e à frequência cardíaca durante o inverno, apesar de passarem muito mais tempo dormindo.

 

Autoria: DANILO ZAMAI

VN:F [1.9.22_1171]
Nota: 0.0/10 (0 votos no total)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 0 votos)


Deixe Seu Comentário »