tumblr site counter

Cruzamento em Genética



A transmissão dos genes

 

Um gameta transporta apenas um alelo de cada gene. A união dos gametas pela fecundação origina o zigoto diplóide, que apresentará dois alelos de cada gene, um proveniente do pai e outro da mãe. O zigoto, ao se dividir por mitose, produz células com genótipos iguais ao seu. Estas, ao se multiplicar, também formam células geneticamente idênticas, e assim por diante. Portanto, todas as células de um organismo têm os mesmos pares de alelos.

 

Um indivíduo heterozigótico Aa, por exemplo, originou-se da união entre um gameta com o alelo A e outro com o alelo a. Esse indivíduo, por sua vez, produzirá gametas A e a na proporção de 1:1, isto é, metade (1/2 ou 50%) dos gametas formados será portadora do alelo A, e metade, do alelo a.

Por exemplo, quando ocorre o cruzamento entre duas pessoas heterozigóticas para gene A(Aa), o gameta A do pai pode se unir tanto a um gameta A quando a um gameta a da mãe.

 

Da mesma forma, um gameta a do pai pode se unir tanto a um gameta A quanto a um a da mãe.

 

Em um cruzamento genético, o primeiro casal que se cruza constitui a geração parental, representada pela letra P. Os descendentes desse casal são a geração F1.

 

O quadro de Punnett

 

Uma maneira relativamente simples de combinar os gametas produzidos em uma geração, de modo a obter os genótipos possíveis dos descendentes, é utilizar o chamado quadro de Punnett.

 

Cruzamento-teste

 

Quando há dominância completa, a análise fenotípica não permite separar os indivíduos homozigóticos dominantes dos heterozigóticos, pois ambos apresentam o mesmo fenótipo. Entretanto, é possível distinguir homozigóticos de heterozigóticos pela análise de sua prole, em cruzamentos especialmente idealizados para esse fim: os cruzamentos-testes.

 

Cruzamento-teste consiste em promover o cruzamento de um indivíduo de fenótipo dominante, cujo genótipo pode ser homozigótico ou heterozigótico, com um indivíduo portador de fenótipo recessivo, portanto, sabidamente homozigótico. Se o indivíduo testado for homozigótico, ele produzirá apenas um tipo de gameta, e, conseqüentemente, originará apenas um tipo de descendente.

 

Se o indivíduo testado for heterozigótico, ele produzirá dois tipos de gameta, e conseqüentemente, originará dois tipos de descendente: 50% com fenótipo dominante e 50% com fenótipo recessivo.

 

Algumas vezes o cruzamento-teste é chamado retrocruzamento, e indica que os indivíduos da geração F1 submetidos ao teste são cruzados com indivíduos de genótipo igual ao do genitor homozigótico recessivo.

 

VN:F [1.9.22_1171]
Nota: 6.8/10 (4 votos no total)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +1 (from 3 votos)

Cruzamento em Genética, 6.8 out of 10 based on 4 ratings



2 Comentários »

  1. Armenio Ferreira 29 de novembro de 2012 at 15:59 - Reply

    Devem colocar imagem de exemplo, isso melhora a leitura do texto.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 5.0/5 (2 votos cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +4 (from 4 votos)
  2. Antônio Carvalho 13 de setembro de 2013 at 21:53 - Reply

    Eu sou o+o- porque meu sangue – não ganha anticorpos contra meu proprio sangue +. Obrigado por partilhar esses ensinamentos, meus parabéns.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 3.3/5 (3 votos cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: -3 (from 3 votos)

Deixe Seu Comentário »