tumblr site counter

Monumentos Megalíticos



ambém conhecido como megálitos, a palavra tem origem no grego. Mega ou megalos que significa grande e lithos que significa pedra. Eles são monumentos de pedra enormes de base feita de grandes blocos de pedra rústicas.

 

Esse tipo de monumento tem atraído durante séculos a curiosidade de todos por serem pedras organizadas de forma coerente em diferentes distribuições que alguns dizem ter significados misteriosos.

 

 

Tipos de monumentos Megalíticos

 

Menires (ou cromelques): seu significado vem do gaélico antigo e quer dizer pedras compridas, sendo blocos verticais solitários.

 

Dolmens (ou antas): seu nome vem do bretão, significa mesa de pedra, composto por uma câmara que é coberta por uma pedra, sendo que são túmulos coletivos.

 

Tholoi: também conhecidos como monumentos de falsa cúpula, com pequenas lages de xisto, sendo assim, tinham cúpulas das câmaras menos resistentes. Algumas possuíam pilares de madeira para sustentar a contrução.

 

 

Mistérios por trás das construções

 

Como se tratam de construções feitas de pedras muito pesadas organizadas seguindo algum tipo de propósito é comum que se pense sobre como foram feitos. Muitos defendem que são algum tipo de portais que levam à conexão com o divino ou outras dimensões.

 

 

Muitos turistas e místicos procuram estes lugares por acreditarem que existem forças e energias místicas. A maioria deles está situado na Escandinávia, Irlanda, Espanha, Inglaterra, Argélia, Portugal e França.

 

Estudiosos do campo do misticismo dizem que através destas construções é canalizada a energia telúrica, sua disposição estaria de acordo com os veios energéticos pelos quais essa energia flui. Para esses estudiosos a maior concentração desta energia esta no monumento de Stonehendge.

 

Por alguma razão minas de urânio, um elemento radioativo, podem ser encontradas onde se encontram diversos destes movimentos, sendo que essa é uma das explicações possíveis para os níveis energéticos encontrados, mas não explica como os antigos poderiam saber disso.

 

Autoria: Bruna Barlach

VN:F [1.9.22_1171]
Nota: 0.0/10 (0 votos no total)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +1 (from 1 voto)


Deixe Seu Comentário »