:: Administração & Economia

Qualidade de Vida no Trabalho

Atualmente, o conceito de QVT envolve tanto os aspectos físicos e ambientais como os aspectos psicológicos do local de trabalho. A QVT assimila duas posições antagônicas: de um lado a reivindicação dos empregados, quanto ao bem-estar e satisfação no trabalho; e, de outro, o interesse das organizações quanto aos seus efeitos potenciais sobre a produtividade e a qualidade. A QVT envolve os aspectos intrínsecos (conteúdo) e extrínsecos (contexto) do cargo. Ela afeta atitudes pessoais e comportamentos relevantes para a produtividade individual e grupal., tais como: motivação para o trabalho, adaptabilidade a mudanças no ambiente de trabalho, criatividade e vontade de inovar ou aceitar mudanças.

Modelo de QVT de Hackman e Oldman:

Variedade de habilidades, identidade da tarefa, significado da tarefa, autonomia, retroação do próprio trabalho, retroação extrínseca, inter-relacionamento.

Modelo de QVT de Walton:

Compensação justa e adequada, condições de segurança e saúde no trabalho, Utilização e desenvolvimento de capacidades, Oportunidades de crescimento contínuo e segurança, Integração social na organização, Constitucionalismo, Trabalho e espaço total de vida, Relevância social da vida no trabalho.

 

 

 

Um programa de bem-estar tem geralmente três componentes:

 

Ajudar os funcionários a identificar riscos potenciais de saúde.

 

Educar os funcionários a respeito de riscos de saúde, como pressão sangüínea elevada, obesidade, dieta pobre e estresse.

 

Encorajar os funcionários a mudar seu estilo de vida através de exercícios, boa alimentação e monitoramento da saúde.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *