tumblr site counter

Âncora Cambial



O Que é Âncora CambialA âncora cambial é um mecanismo realizado pelos responsáveis pela política econômica de um país na qual o governo fixa as taxas de câmbio para tentar reduzir o aumento dos preços em um momento onde a economia está desestabilizada.

Normalmente essa âncora relaciona-se com a relação entre a moeda local com a moeda internacional de referência, como é no caso o dólar americano. Ancora-se o valor de, por exemplo, R$1,00 a US$1,00.

USO DE ÂNCORAS CAMBIAIS

As âncoras cambiais foram utilizadas algumas vezes na história do Brasil e de outros países do mundo, a saber a Argentina, um bom exemplo de quando o uso da âncora cambial pode tornar-se um grande problema para a economia de um país, pois esta política foi um dos causadores fundamentais da crise econômica Argentina que devastou o país por anos.

O objetivo maior da criação da estratégia de âncoras cambiais foi relacionar uma moeda com histórico de inflação e instabilidade, como a moeda brasileira, à uma moeda que tenha um histórico contrário, de estabilidade e baixa inflação e com isso os preços tornam-se mais estáveis.

Outra questão importante em relação à âncora cambial é que ela de gerar expectativas estabelecidas, que não são possíveis em um ambiente inflacionário.

Quando utiliza-se deste dispositivo ele passa a ser o norteador da economia, desconsiderando-se outros agregados financeiros que são utilizados normalmente como metas de inflação e etc.

Trata-se de impor uma disciplina à uma moeda “indisciplinada”.

No entanto, atentem para o fato de que existem diversos riscos com o uso desta medida. Como citamos no começo deste item o problema causado pela âncora cambial na Argentina, não foi isolado e não existiu sem motivos.

O que acontece é que acaba-se gerando uma falta de relação real entre o valor gerado pelo país e o valor que seu dinheiro tem nominalmente, causando uma bola de neve que gera um processo maior de desvalorização da moeda posteriormente e uma onda de desemprego.

Uso da Âncora CambialEste dispositivo foi “moda” na América Latina entre as décadas de 1970 e 1990, sendo que foram utilizadas cerca de sete diferentes planos com o uso de âncoras cambiais.

Com este processo de ancoramento acabou-se por causar um processo de sobrevalorização das moedas o que causaria com o passar do tempo crises econômicas nos países.

Há uma grande dificuldade no manejo do câmbio em si nessas situações, sendo que a ancoragem enquanto reduz as taxas de inflação nominais aumenta gravemente o risco de crises externas para o país.

Este tipo de comportamento dos responsáveis pela política financeira dos países em usarem essa fixação monetária para conseguir barrar a inflação é muito usual no mais clássico dos populismos econômicos, que causam grande impressão num primeiro momento, fazendo a população acreditar que todos os seus problemas estão resolvido quando não veem os preços dos alimentos subindo cotidianamente, sem no entanto notar que, a médio prazo, será seu emprego e seu modo de vida que estará em jogo.

Um dos maiores perigos é com o aumento das importações e com a quedas das exportações acabar por gerar uma grande crise em função do desequilíbrio da balança comercial.

Autoria: Bruna Barlach

VN:F [1.9.22_1171]
Nota: 8.9/10 (24 votos no total)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +4 (from 6 votos)

Âncora Cambial, 8.9 out of 10 based on 24 ratings



Deixe Seu Comentário »